Vozes: como um grande cantor pode mudar a sua vida revisão

O que você deseja ou espera de alguém a voz o som de uma voz estranha? Depois de nove meses de silêncio, documentado em um livro de memórias de 2013 o trem na noite, Nick Coleman percebi que ele só quer ouvir as vozes que “feed de província.” Encontrado alimentação no crescimento natural dos anos 60 menina registros de grupo, que foram incorporados no Shangri La’ Maria Weiss e as Marvelettes’ Gladys Horton no Aretha Franklin, que tornou-se uma base pessoal, oferecer conselhos. Mais ele colocar o registro, ele foi sempre consciente que o veneno pode ir de novo, a qualquer momento, e talvez dessa vez eu não vou voltar.

Esta urgência dá o que soa um pouco a sensação claustrofóbica. O livro aborda a era da música rock, Coleman tem uma variedade suficiente paladar para apreciar a “estranha agitação forjado por Susie quattro”, bem como a mais familiar e previsível nomes como Dylan, Jagger, e Lennon. Ele não tem medo de sair em um membro e jogando seus braços de grande influência, até mesmo Richard, a voz do “o mais emocionante de som do mundo”. E ele nem é medo de entrar um synaesthetic Descrição, com Elvis Presley: “que voz é como ouro polido;”. A idéia de que Kate Bush voz “enche o céu como o tempo” é muito bonito.

Coleman acredita que a emoção está afetando mais quando você não faz uma cena de itselfColeman é muito bom neste capítulo sobre John Lennon, a “bondade” de cantar em qualquer lugar do homem; porém que Linda estava a cantar e sobre o mesmo, apesar de que o efeito. Cada Lennon música sem uma janela diferente em sua vida, Coleman esfregou 1963 desse garoto e 1970, a minha mãe está morta, um contraste de densidade, mas de uma revelação. Ele tem muito menos a dizer sobre Mick Jagger voz, embora ele ainda passa um capítulo inteiro lutando com a nossa saúde, que é o verdadeiro som da mistura. Falando de pedras meados dos anos 60 singles, incluindo saia da minha nuvem, pintá-lo de preto e Ruby terça – Coleman diz, “nenhum deles é realmente um grande recorde em si,” mendigos crença. Onde as vozes, muitas vezes caem em sua incapacidade de separar os grandes bandas e grandes cantores – Jagger difícil de voz pode funcionar inteiramente dentro da pedra definição saltando Keith Richards riffs Wyman e watts seção de ritmo, mas é bastante eficaz quando isolado.

Coleman acredita que a emoção está afetando mais quando eles não humilhar-se – sem surpresa, ele evita X Factor “para verdadeiro de cantar é o que a grande-uppies é o futebol, capacidade de liderança no show”. Janis Joplin, com ela gritando de voz está bem claro, como ele fica até o nível desejado. Em vez disso, ele perde-se na Van Morrison “Caledônia alma”, e o cantor capacidade de atacar as músicas “a borda de coisas que as peças para a sticky Hill” quando ele precisa, ou um baixo Rugir como um leão, ou até mesmo fazer um pub cantor impressão de Louis Armstrong, se é isso que uma música como o lado brilhante da estrada requer.

John Lennon, em Nova York, por volta de 1973: “a cada Lennon música sem uma janela diferente em seu Twitter, Pinterest, de John Lennon, em Nova York, por volta de 1973:” a cada Lennon música sem uma janela diferente em sua vida.’ Foto: Michael ochs archive/Getty ImagesWith esses cantores que já tinha musical promessa, Coleman é menos generosa. Imagine que exótico formigas, no futuro, a ouvir uma 1962 Dansette registro jogador, que de alguma forma sobreviveu a nuclear obliteração em um mundo onde a Crise dos Mísseis de cuba foi um resultado diferente. “Só os bons registros para ele,” totalmente rock n ‘ roll, então não há lugar para intérpretes como Perry ou Dean Martin. Até mesmo colocar o meu desafio para Martin Sinatra quarto de casa quente álbum de lado, é decepcionante ver esses cantores se recusou a “trivial” em um livro sobre a voz humana. Ele descreve de Frank Sinatra “Totem de um estrangeiro fé” é algo para se admirar, mas que encontra unrelatable: “por que eu não posso sentir nada por si? O que há de errado comigo?” , Perguntando. Esta é uma pergunta muito boa, mas, infelizmente, Coleman não explorá-lo em tudo. Efeito de voz sobre o indivíduo é tudo sobre gosto pessoal? Ou há fatores fisiológicos isso significa que podemos ouvir os sons de forma diferente?

Registro de endereço de e-mail-ler moreSome da nossa língua parece preso em uma era anterior, tais como o uso excessivo da palavra “chifres” – chame-me uma puritana, mas eu realmente não acho que é apropriado quando você está falando de Roy Orbison. Especialmente quando Coleman possui as competências e, em seguida, compare Orbison única combinação de ternura e espanto para uma “uma xícara de chá repousa sobre um disco voador”. Ver feminino cantores de soul mais estreitamente relacionado com o “big o”; estes sons que o ajudou a meio Evangélico adolescente.

É intensamente gosta de Gladys Knight, o inesperado voz discutido em profundidade, mas são os oldies Rádio favorito midnight train to Georgia que se concentra em. Você tem T-shirts temos uma magistral desempenho em me ajudar a fazer durante a noite, basicamente, a observação, a música que foi invertido por soar muito sozinha; shiveringly íntima que envolvem o desempenho, mas rapidamente descartou aqui de fácil audição. Coleman de assuntos que são, principalmente, a igreja, a cavaleiro sobre leftfield como fica. Você encontrar-se, incitando-o a cavar mais fundo em suas preferências pessoais, explorar o impacto dos associados’ extraordinária Billy Mackenzie, por exemplo, que passou em uma única linha, ou acompanhá-lo Moisés Suzie quattro – particularmente tendo em conta que não há problemas de audição pode significar que ele não tem outra chance.